PMI divulga números das certificações no Brasil

Por Marcos Pires, PMP

A publicação mensal da revista PM Today do último mês de Março do PMI (Project Management Institute) traz um grande destaque para o Brasil em relação ao crescimento na busca da maturidade em gerenciamento de projetos tanto por profissionais como também as organizações. A matéria enfoca principalmente o crescimento de certificações obtidas no país no último no ano de 2008. A surpresa segundo a matéria da revista é o significativo aumento da certificação CAPM (Certified Associate in Project Management), credencial voltada para profissionais que tem por objetivo conhecer os fundamentos do gerenciamento de projetos. Esta certificação (mais simples que o PMP) também tem como referencia base o livro PMBOK.

Segundo a PM Today, um grande movimento que se iniciou no ano passado através dos 13 Capítulos brasileiros do PMI foi a promoção de workshops e cursos voltados para a preparação para a certificação CAPM, onde somente no ano passado 51 profissionais obtiveram esta credencial. Número que pode parecer pequeno, mas se comparado aos anos anteriores o crescimento foi considerável.

Abaixo seguem os números de credenciais brasileiras segundo o PMI até o final do ano de 2008:

* Total de Credenciais:

PMP (Project Management Professional) = 7.258

CAPM (Certified Associate in Project Management) = 78

PgMP = (Program Management Professional) = 6

PMI-SP = (PMI Scheduling Professional) = 8

PMI-RMP (PMI Risk Management Professional) = 7

* Total de Credenciais obtidas somente no ano de 2008:

PMP (Project Management Professional) = 1.485

CAPM (Certified Associate in Project Management) = 51

PgMP = (Program Management Professional) = 4

PMI-SP = (PMI Scheduling Professional) =7

PMI-RMP (PMI Risk Management Professional) = 7

A surpresa negativa em minha opinião é o baixo número de certificados em gerenciamento de programas (PgMP), que atesta a especialidade do profissional em gerenciamento integrado de múltiplos projetos, mas creio que isso se deve ainda a fatores como o baixo grau de conhecimento e aplicabilidade do conceito de gerenciamento de programas nas organizações e principalmente do alto valor a ser investido nesta certificação (US$ 1.500,00 para associados do PMI).

A expectativa agora é em relação aos números de 2009, pois esta havendo uma grande procura principalmente neste primeiro semestre pela certificação PMP em função da mudança da versão do exame que a partir de Julho será aplicado com base na 4ª. Edição do PMBOK e pelo ritmo dos movimentos o Brasil poderá virar para o ano de 2010 com mais de 10.000 profissionais certificados em Project Management Professional.

Estamos evoluindo !!!


Marcos Pires, Gerente de escritório de projetos (PMO), professor para cursos de MBA em Gestão de Projetos e instrutor para cursos de certificação PMP.

Email:  marcos.pires.2000@bol.com.br

Perfilhttp://www.linkedin.com/in/marcospiresgp

Twitter: http://www.twitter.com/projetizado

Anúncios

6 Comentários

  1. Marcantonio Fabra said,

    20/05/2009 às 20:00

    Caros,

    Seguem os meus comentários sobre as certificações:

    CAPM:
    O aumento deste tipo de certificação se deve ao fato de não ser necessário comprovar 3.600 horas (ou 4.5000 horas se o candidato não tiver nível superior) em projetos como é o caso da certificação PMP. Eu costumo dizer nas minhas aulas que a CAPM é uma pré-certificação do PMP.

    PgMP:
    Os grandes ofensores aqui para o baixo número de certificados são, com certeza, o custo e o fato de serem necessárias 3 avaliações para a obtenção desta certificação. Lembrando que se você não passar na primeira avaliação chamada Panel Review que é feita antes da prova, você perde o investimento feito. Maiores informações podem ser obtidas no PgMP Credential Handbook que pode ser obtido no site do PMI (www.pmi.org).

    PMP:
    Apenas um comentário. Conforme aconteceu na época da mudança do PMBOK 2000 para o PMBOK 2004, acredito que neste primeiro semestre de 2009 existirá um aumento bastante elevado do número de PMP´s no Brasil e no Mundo, já que em Agosto o PMBOK 2008 passará a ser utilizado nos exames.

    PMI-SP e PMI-RMP:
    Para mim estas certificações são apenas procuradas por aqueles que já são PMP´s. Além do custo delas ser mais alto que o da certificação PMP (US$ 520 contra US$ 405 no caso de membros do PMI), o candidato vai preferir buscar a certificação PMP ao invés delas por ser a certificação mais em voga no momento.

    Abraços,

  2. Ernani Marques da Silva, MBA, PgMP, PMP said,

    21/05/2009 às 03:12

    Com certeza as evoluções seguirão. Muitas situações, conforme bem explicado pelo Marcantonio Fabra, gerarão evoluções bem distintas.

    O que sempre digo é que precisamos fazer apostas. Eu aposto e acredito no Certificado de Gestão de Programas (apesar de não acreditar em um boom) e no Certificado de Gestão de Riscos.

  3. Fábio Moreira said,

    22/05/2009 às 10:48

    Entendo que o grande número de certificações tem o seu lado positivo, que indica um maior grau de maturidade em relação à gestão de projetos no Brasil, mas por outro lado isto me preocupa, ao passo em que vejo muitas pessoas focadas somente no título “PMP”, que por si só garante grande vantagem competitiva na busca de uma boa colocação no mercado, mesmo não havendo um bom embasamento do profissional, que é o que realmente dá sustentabilidade para o desempenho das atividades do dia-a-dia.
    Já ouvi muitos colegas de trabalho dizendo “preciso fazer um curso preparatório pra tirar a certificação PMP”, quando na verdade deveriam dizer “preciso me preparar profissionalmente para desempenhar bem o papel de gerente de projetos”. Se o foco passa a ser este, a certificação vira uma consequência natural, e não o objetivo principal. A certificação, com certeza, é um diferencial e indica sim um maior grau de maturidade, mas se não for encarada com seriedade, pode acabar caindo na banalização.

  4. Anderson Luiz Ferrari said,

    22/05/2009 às 13:50

    Eu recentemente tirei a certificação e sou dessa leva que finalmente decidiu estudar e tirar a certificação antes da mudança de versão, acredito que esses números devam crescer bastante assim que divulgarem dados mais atualizados e vejo esse crescimento com bons olhos, principalmente porque vai profissionalizar mais a área. A certificação pelo menos garante que os profissionais tem um conhecimento básico em todas as áreas de conhecimento, mesmo que não aplique todas elas no seu dia-a-dia.
    O que eu acho que ainda falta um pouco, é interação entre os profissionais. Incentivar grupos de estudo de interesses específicos e coisas desse tipo.
    Seu blog é muito bom no sentido de estar unindo as pessoas e nos fazendo refletir sobre vários assuntos. Parabéns!
    abraço,

  5. 25/05/2009 às 20:15

    Olá Pessoal
    Por falar em certificação de nossa área vejo a crescente necessidade de profissionalização em coaching.

    Por sinal em Porto Alegre irá acontecer um treinamento + certificação internacional em coaching em Julho.
    Abaixo algumas infos para quem estiver interessado na busca pela diferenciação profissional.

    Curso sobre Coaching em Porto Alegre.
    Link para o material: http://www.unidots.com.br/page4.aspx

    Este é um curso diferenciado, Realizado pela Lambent do Brasil, filiada a International Coaching Community, com 60 horas presenciais além de horas de execução prática pós-curso. Fornece sólida base teórica e prática preparando para uma certificação reconhecida pela International Coaching Community.
    As incrições deste treinamento são realizadas diretamente com a Lambent do Brasil, através do link: http://www.lambent.com/Forms/ldbregbrrs.htm

    Muitas empresas tem investido nesta área. Confira algumas empresas já atendidas em cursos realizados pelo Brasil, através do link: http://www.lambent.com/index.php/br/Clients/Clients.html

    Datas:
    De 4 a 11 de julho das 09:00 as 18:00

    Local:
    TecnoPUC – PUC RS.
    Av. Ipiranga 6681 Prédio 93A Sala 105.
    Porto Alegre.
    Veja o mapa do local aqui.

    Promoção:
    UniDOTS

    Apoio:
    AJE-POA (Associação dos Jovens Empresários de Porto Alegre)

  6. Roberta said,

    27/05/2009 às 17:21

    Marcos,

    Muito bacana esta matéria. Confesso que eu desconhecia algumas das certificações apresentadas.

    Abraços,

    Roberta.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: